Um auxiliar de serviço penitenciário temporário identificado como Carlos Augusto Correia, de 44 anos, foi assassinado a tiros em São Luís. O crime aconteceu no início da manhã desta sexta-feira (3), no bairro Cohab.

De acordo com informações, dois homens em uma moto, efetuaram vários disparos na vítima.

Ele ainda foi socorrido e levado para o Hospital de Urgência e Emergência Dr. Clementino Moura – Socorrão II , mas não resistiu aos ferimentos e veio a óbito.

Este é o segundo assassinato de funcionários do sistema penitenciário do Maranhão em menos de uma semana. Dias atrás, o auxiliar penitenciário Antônio Duarte, também foi assassinado a tiros, em frente a sua casa, no bairro Vila Mauro Fecury II, em 29 de dezembro de 2019.

A Polícia investiga os crime. A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap), emitiu uma nota sobre o assunto.

Confira a nota na íntegra

A Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) lamenta o assassinato do auxiliar de segurança penitenciária, lotado na Unidade Prisional de Ressocialização São Luís 5 (UPSL5), Carlos Augusto Correa, ocorrida na manhã desta sexta-feira (3).

Ele teria sido alvejado com pelo menos cinco tiros nas costas, em frente ao Banco do Brasil, no bairro Cohab, em São Luís. Ainda não se sabe o que motivou o crime. A Seap informa que está dando assistência à família do auxiliar.

A Polícia Civil, por sua vez, informa que vai investigar as circunstâncias da ocorrência.