Uma jovem identificada como Andreza Romão, de 17 anos, foi encontrada com o rostro envolvido por fita e uma perfuração no pescoço, já sem vida, na manhã desta quarta-feira (14) no município de São João do Caru, no interior do estado do Maranhão. O corpo da jovem estava em um matagal, em uma área popularmente conhecida na cidade como “Serrinha”, a notícia deixou toda a população da pequena cidade em estado de choque.

De acordo com informações ela teria saído da escola onde estudava, por volta das 20hs de terça-feira (13).  Ao sentir sua falta, a família e amigos iniciaram buscas na tentativa de localizar a jovem, que só foi encontrada na manhã desta quarta-feira (14), já sem vida. 

Andreza Romão era muito querida na cidade, sonhava cursar psicologia, e teve seus sonhos interrompidos após ser vitima de um bárbaro crime com requintes de crueldade que segue sem explicações. Recentemente ela participou de um concurso de beleza (Miss Caru), o que a deixou ainda mais conhecida, chegando a se tornar uma figura publica no pequeno município.

 A policia investiga o caso e pede ajuda da população encontrar o autor do crime bárbaro.“Hoje recebemos a notícia da morte, trágica, covarde da jovem. A Polícia do Estado do Maranhão fará o possível para localizar e fazer justiça. Cabe lembrar que precisamos de toda força do povo caruense para elucidar esse crime bárbaro. Solicitamos que as pessoas que tenham alguma informação que possa ajudar no esclarecimento procurem à delegacia de São João do Caru, Bom Jardim ou a regional de Santa Inês/MA. Ou no disque denúncia da Polícia Civil de Santa Inês 99105- 2002. Sua identidade será mantida no mais absoluto segredo.” diz a nota.