A policial militar Sabrina Silva, lotada no 3º Batalhão da Polícia Militar, foi afastada das funções nesta segunda-feira (26). Ela é apontada como a responsável pelo disparo que vitimou Marcos Vinicius, 20 anos, em Governador Edison Lobão no interior do Maranhão, na tarde do domingo (25).

Sabrina atirou contra o jovem Marcos Vinicius, de 20 anos, durante uma abordagem e perseguição em uma ocorrência de perturbação do sossego, durante a realização de manobras conhecidas como “grau” em motocicletas.

O rapaz havia desobedecido uma ordem de parada dos agentes que passavam pelo local. Durante a perseguição, Marcos tentou ir para sua casa, mas acabou sendo baleado e morto pela agente de segurança. A Polícia Civil do Maranhão investiga o caso.

Em nota, a Polícia Militar do Maranhão (PMMA), informou que Sabrina foi asfaltada de suas funções.