Na manhã desta quinta-feira (20), foram encontrados no município de Caxias (Ma), os corpos do pastor Carlos Alberto Oliveira Silva Júnior, de 31 anos, da Congregação IDE Pentecostal, e do corretor de veículos Raí Rodrigues Lima. Os dois homens estavam desaparecidos desde a noite do último dia 11 de janeiro, na cidade de Teresina, no Piauí.

O delegado Jair Paiva conta que os corpos estavam em estado avançado de decomposição, às margens da MA-034. Uma perícia será realizada para confirmar a identidade dos corpos encontrados, mas a polícia já confirmou que os cadáveres são dos pastor e do corretor desaparecidos.

Segundo o delegado, a polícia confirmou a identidade dos corpos por causa da fisionomia e pelo RG do pastor, que foi encontrado com o cadáver. Agora, o IML vai investigar mais afundo as causas da morte e repassar as informações à Polícia Civil de Teresina.

Familiares do pastor Júnior, como era conhecido, disseram que ele saiu de casa informado que acompanharia o corretor Raí na entrega de um carro no bairro Aeroporto, na Zona Norte da capital teresinense. No entanto, os dois não voltaram mais para casa.

No último dia 17, familiares do pastor e do corretor fizeram uma manifestação na frente da sede da Delegacia de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP), em Teresina, pedindo respostas e pediam agilidade nas investigações.