Eleita com 30.693 votos, a deputada estadual Mical Damasceno (PTB), havia prometido de prestar contas do seu mandato para a Convenção das Assembleias de Deus do Maranhão. Os compromissos de Mical estão sendo cumpridos.

Nesta semana Mical participou da 80° Assembléia Geral de Obreiros (AGO) evento que teve como objetivo promover o debate entre pastores e obreiros de várias cidades do Maranhão, ocasião em que apresentou um resumo das suas ações na Assembleia legislativa durante o ano de 2019. Desde seu primeiro dia de mandato tem feito questão de estar mais próxima do seu povo, buscando alternativas de desenvolvimento ao povo maranhense.

“Assumimos o compromisso ainda em campanha de estarmos prestando contas de nosso mandato para a CEADEMA – Convenção das Assembleias de Deus do Maranhão. Em todos os trabalhos no decorrer deste ano estivemos presentes, e na 80°AGO não foi diferente. Glorifico a Deus pela oportunidade e por todas as palavras de carinho. Continuaremos firmes na defesa dos nossos princípios e valores.”, disse Mical.

Mical  já apresentou diversos projetos de leis e indicações na Assembleia Legislativa e um deles que marcaram seu primeiro ano de mandato, foi o projeto que reconhece a Harpa Cristã como Patrimônio Imaterial do Estado do Maranhão.