O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), já sancionou um Projeto de Lei, que institui uma nova taxa de 3% sobre a tonelada da soja, do milho, do milheto e do sogo, que são produzidos e transportados no Estado do Maranhão.

A novo imposto foi incluído na mesma lei que reduz a alíquota do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) nas operações internas e de importação do exterior realizadas com gás de cozinha e que também isenta os mototaxistas de motos de até 200 cilindradas do pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA).

Nota de Posicionamento do SINRURAL

O Sindicato Rural de Imperatriz vem informar aos produtores rurais que tem plena ciência da gravidade do problema da taxação de produtos como soja e milho, recentemente imposta à classe produtora rural pelo Governo Estadual.

Anota que já tomou a iniciativa de procurar outras entidades de classes da nossa região tais como Aprosoja de Balsas, a Associação comercial de Imperatriz, outros Sindicatos Rurais da Região e grandes produtores de grãos, para juntos levarmos até a pessoa do Governador o registro da nossa insatisfação e preocupação com mais este ônus.

Para tanto, já foi por nós requerido uma data para uma audiência junto ao Governador, e tão logo seja marcada e designada uma reunião com esta finalidade, estaremos repassando a informação aos amigos para montarmos uma comitiva representativa em defesa de nossos interesses se fazendo presente na audiência a ser marcada.