Na cidade de São João do Paraíso, parece não haver crise na gestão de Beto Regis (PCdoB), enquanto boa parte da população encontra-se desempregada, a atual gestão vem fazendo uma farra com dinheiro público, de acordo com denúncias enviadas a nossa redação, foi identificado vários funcionários fantasmas na folha de pagamento do município.

Além dos funcionários fantasmas, altos salários, gratificações exorbitantes, e o inchaço da folha de pagamento, chamam bastante atenção, para um município pequeno do interior do Maranhão, com uma população estimada em pouco mais de 10 mil habitantes.

De acordo com a denúncia, um dos secretários do município, além de receber um salário em torno de quase 4 mil reais, recebeu fora o seu salário cerca de 3 mil reais de gratificação.

Após solicitar a folha de pagamento diversas vezes a prefeitura, e não obtendo exito, o vereador do município João Paulo, recorreu a Promotoria, onde lhe foi passada a folha de pagamento. Ao analisar, foi identificado até o exato momento, diversos “funcionários fantasmas”.

Um dos casos que mais chama atenção, é de uma pessoa que mora no estado do Pará, mas recebe da prefeitura, além do seu salario o mesmo recebe uma gratificação. O segundo caso é de um funcionário que mora na cidade vizinha de Porto Franco, mas que também recebe dinheiro público da prefeitura, além desses, outros casos já foram identificados.