O prefeito Benedito Coroba (PSB), de Itapecuru-Mirim, está no centro de uma polêmica após a divulgação de informações do Portal da Transparência da Prefeitura. De acordo com os dados disponíveis, o prefeito Coroba pretende destinar quase 800 mil reais para despesas com passagens aéreas.

É importante ressaltar que o município, sob a gestão de Coroba, enfrenta uma investigação relacionada a fraudes em escolas de tempo integral. Nesse contexto, o prefeito é suspeito de ter desviado mais de R$ 7 milhões beneficiando-se de uma discrepância envolvendo 4.951 estudantes, conforme apontam registros do Tribunal de Contas da União.

Além dessas questões, a cidade encontra-se em situação precária, com ruas e avenidas intrafegáveis devido aos inúmeros buracos. Enquanto a população sofre com as condições precárias da infraestrutura, o prefeito e seus secretários parecem desfrutar dos altos valores provenientes do cofre público, oriundos dos impostos pagos pelos itapecuruenses.

Diante desse cenário, a comunidade expressa sua insatisfação com a alocação de recursos para passagens aéreas em meio a problemas mais urgentes e essenciais que demandam atenção e investimentos. A gestão municipal enfrenta críticas pela aparente falta de prioridade na utilização dos recursos públicos, gerando um clima de descontentamento entre os cidadãos de Itapecuru-Mirim.