A segunda maior cidade do Maranhão, entrou em colapso em meio a pandemia do coronavírus (Covid-19), já são 1431 casos confirmados com 68 óbitos. Imperatriz, voltou a alcançar a totalidade de rede estadual em relação ao leitos de UTI exclusivos para o tratamento do novo coronavírus. É a segunda vez que isso acontece em menos de uma semana.

Na última quinta-feira (21) houve taxa de ocupação de 100% e segundo a Secretaria Estadual de Saúde mais 10 leitos foram oferecidos. No boletim divulgado pela SES na noite desse domingo (24) um novo colapso foi alcançado.

O colapso de leitos em Imperatriz não se posiciona apenas nas UTIs. Nesse fim de semana os leitos clínicos chegaram também a uma ocupação máxima. Mais 15 leitos desta especificidade foram oferecidos e a taxa neste momento é de 93,83% com apenas cinco leitos vagos.

Nas demais regiões do estado os leitos de UTI a taxa de ocupação diminuiu por conta da oferta de novos leitos: 69,91%. Dos 113 leitos espalhados pelo Maranhão 34 estão livres. Em relação aos leitos clínicos no interior do Maranhão são 289 leitos na rede estadual. Destes, 187 estão ocupados (64,71%).

O Maranhão alcançou a marca de 22.786 mil pacientes infectados pelo novo coronavírus, 784 mortes por Covid-19 e 5.271 pessoas curadas pela doença. Os dados são do boletim epidemiológico divulgado na noite deste domingo (24) pela Secretaria de Estado da Saúde (SES).